Nelson Tanure afirma que deseja tornar a Alliar a maior companhia de saúde suplementar do Brasil

25/08/2022

Presidente do conselho participou do primeiro congresso Alliar – Alliados para Gerar Valor, realizado na última sexta-feira (19)

Nelson Tanure, presidente do Conselho do Grupo Alliar, revelou que pretende fazer da companhia a maior empresa de saúde do Brasil e apresentou os planos para a empresa, durante o congresso Alliar – Alliados para Gerar Valor, realizado na última sexta-feira (19), reunindo mais de 800 pessoas on-line simultaneamente.

“Exatamente um ano atrás, quando nós aumentamos substancialmente nossa posição na companhia, eu disse que a Alliar poderia se tornar a primeira empresa de medicina diagnóstica do país. Hoje, eu tenho convicção de que podemos ser a maior companhia de saúde do Brasil”, comentou.

Tanure ressaltou que enxerga a Alliar como uma empresa que promove parcerias relevantes, seja com entes públicos ou privados, em prol do aumento da oferta e da qualidade dos serviços aos pacientes de todo o país.

“Essa maneira de fazer parcerias público-privadas tem de ser parte do nosso core business e das nossas prioridades. Devemos replicar isso e buscar parcerias com Santas Casas, prefeituras de pequenas cidades, instituições religiosas e hospitais, mesmo particulares, que necessitem da nossa expertise”, apontou.

Ainda sobre as marcas do Grupo, o presidente destacou o papel do CDB, rede de laboratórios de São Paulo, responsável por 40% do faturamento da companhia, e afirmou que sua expansão também está entre as prioridades da Alliar. “Crescer é um imperativo. Enquanto eu estiver liderando essa companhia, quero levá-la à cabeceira das principais companhias do país”, comentou.

Para Tanure, o iDR, healthtech desenvolvida pela Alliar para a realização de exames de maneira remota, e o Cartão Aliança, market place de saúde do Grupo, são produtos com imenso potencial. Segundo o presidente, o primeiro será capaz de realizar cirurgias no interior do Brasil com o impulso do 5G, e o segundo tem todas as condições de ser o principal cartão de saúde para a população de baixo poder aquisitivo.

Investimento no NEPIA (Núcleo de Ensino, Pesquisa e Inovação da Alliar), na modernização do parque de máquinas e aquisição de equipamentos móveis para realização de exames também estão no radar do investidor.

Para ele, o lucro de qualquer empresa hoje está relacionado a soluções sustentáveis e à valorização da inteligência humana – que gera inovação e tecnologia. Além de Nelson Tanure, o evento contou com a mediação da Dra. Isabella Tanure e do Dr. Gustavo Meirelles, Conselheira e Vice-presidente Médico da Companhia, respectivamente, e com a participação de executivos do Grupo como Karla Maciel, Vice-Presidente Administrativa Financeira, Dr. Gustavo Campana, Diretor de Análises Clínicas, e Eduardo Cervone, Diretor Executivo do Cartão Aliança, entre outros. “A Alliar vai crescer organicamente e por meio de aquisições, sempre com foco na melhor experiência do cliente, qualidade e eficiência”, disse Pedro Thompson, CEO da Alliar, que também participou do evento.

Outras notícias relacionadas